Home » Notícias » Notícias Moçambique » OPEP distingue Moçambique

OPEP distingue Moçambique

OPEP distingue Moçambique - Lateorke Oil Gas

MAPUTO - 2014/06/12 - A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) distinguiu Quarta-feira última, em Viena, o ministro moçambicano da Energia, Salvador Namburete, com o prémio “The Petroleum Industry Award 2014” (Prémio Indústria do Petróleo 2014).

 

A distinção teve lugar no decurso da 165ª Cimeira da OPEP, que decorreu entre Quarta - feira última e hoje (11 e 12 de Junho), na capital austríaca. O mesmo surge em reconhecimento dos esforços que têm sido levados a cabo pelo Governo e pelo ministro da Energia, em particular, com vista a impulsionar o sector da energia e petróleo no País.

 

Falando momentos após ter sido agraciado, Namburete dedicou o prémio ao Presidente moçambicano, Armando Guebuza, e a todos que tem dado a sua valiosa contribuição ao desenvolvimento do sector. Namburete reiterou que graças a liderança de Guebuza e de todo o povo que Moçambique está a conhecer avanços significativos no sector energético. “Estamos satisfeitos e orgulhosos por termos recebido esta distinção. Isto mostra que a comunidade internacional reconhece que estamos a trabalhar para combater a pobreza. A Energia é vital para a dinamização das actividades produtivas e de rendimento. Hoje demos passos significativos neste combate graças ao empenho de todos nós como moçambicanos. Tornamos problemas em desafios e, paulatinamente, estamos atingindo o nosso objectivo”, vincou Namburete.

 

O Ministro da Energia reiterou o seu compromisso em trabalhar para que o país construa um futuro energético sustentável, incluindo para a região Austral de África.

 

Moçambique tem dado passos assinaláveis no sector energético o que não tem deixado indiferente a comunidade internacional, daí o reconhecimento do trabalho que está sendo levado a cabo pelo Ministério da Energia. O prémio foi instituído ano passado e surgiu essencialmente para distinguir personalidades e instituições que se destacam no sector da energia e de petróleo. Este ano, o prémio, o segundo desde que foi criado, coube a Moçambique na pessoa do Ministro da Energia.

 

O Programa Quinquenal do Governo 2010-2014 atribui à energia um papel vital na melhoria das condições de vida dos moçambicanos e na dinamização das actividades produtivas e de geração de rendimento. Das 51 Sedes Distritais ligadas a rede nacional, em 2004, o número passou para 121 Sedes Distritais, em 2013, devendo a ligação abranger 128 Distritos até finais do presente ano.